web analytics

Provavelmente você já tenha ouvido falar na candidíase ou até mesmo já tenha sofrido deste problema. As mulheres costumam sofrer dessa infecção por fungos na região vaginal e é importante que entendam em primeiro lugar que é natural que no corpo humano haja a presença de fungos, a candidíase na verdade é um estado de infecção causado devido ao desequilíbrio da concentração desses fungos, gerando os sintomas desconfortáveis que costumam ser: secreção esbranquiçada semelhante à nata do leite; dor durante as relações sexuais; dor ao urinar devido à inflamação no canal vaginal; inchaço e irritação da vulva; coceira e queimação na vagina e lábios vaginais.

Algumas mulheres, inclusive, podem confundir os sintomas da candidíase com a infecção urinária por conta da ardência ao urinar, é importante que um médico seja consultado para diagnóstico e que o tratamento para a candidiase  seja seguido com disciplina.

O que muitas pessoas costumam ignorar é que a dieta tem participação no processo da cura do problema e também na prevenção de casos de candidíase. Isso mesmo, alguns alimentos podem influenciar na piora e no desequilíbrio da presença dos fungos ocasionando a infecção.

Quais alimentos devem ser consumidos com cautela?

IogurteNaturalCandidiaseOs fungos encontram oportunidade para proliferação quando se deparam com calor e baixa resistência imunológica, alguns alimentos por si só alteram o pH da vagina e propiciam a proliferação desses agentes, como é o caso do açúcar. Enquanto esses fungos se proliferam costumam liberar substâncias que despertam na mulher o desejo por doces, alimentos “necessários” para a sobrevivência desses fungos.

Por isso é importante principalmente em casos de tratamento da candidíase vaginal  evitar o consumo de alimentos ricos em açúcar como balas, chocolates, biscoitos recheados, guloseimas em geral, refrigerantes, entre outros, aliás, muitas pessoas não sabem, mas um copo de aproximadamente 300 ml de refrigerante equivale a 10 colheres de sopa cheias de açúcar. Vale lembrar que carboidratos se transformam em glicose no sangue, por isso é fundamental repensar no consumo desses alimentos como arroz branco, macarrão, pães etc., que precisam ser consumidos de maneira equilibrada, o ideal mesmo seria evitar a ingestão desses carboidratos simples e investir no consumo dos carboidratos complexos (massas integrais, arroz integral, pães integrais, entre outros).

Frutas também contêm açúcar, por isso é importante consumi-las com parcimônia, e preferencialmente consumir as frutas cítricas, que possuem baixo índice glicêmico.

Evite o consumo de alimentos que levam em sua formulação fermento biológico como massas de pães, pizzas, entre outros, o consumo de queijos também deve ser evitado, assim como o vinagre e bebidas alcoólicas, estes são itens que enfraquecem o sistema de defesa do organismo e “facilitam” a proliferação dos fungos.

Mas e quanto aos alimentos que ajudam a prevenir e tratar a candidíase?

HerpesAlgumas ervas e alimentos chamam a atenção por  prevenir a proliferação de fungos como: orégano, tomilho, alecrim, alho, cebola, entre outros. As sementes de abóbora também auxiliam por possuírem propriedades antifúngicas, podem ser encontradas cruas ou torradas e utilizadas sobre frutas, iogurtes e em preparações salgadas.

A banana verde que pode ser encontrada em forma de suplemento pode auxiliar o organismo na defesa contra esses fungos; a batata yacon também, isso por que tem o poder de reduzir as taxas de açúcar no sangue.

Esses são somente alguns dos alimentos indicados e contraindicados no tratamento e prevenção da candidíase vaginal. É possível tratar esse tipo de problema com recursos naturais.

Veja alguns tratamentos que a podem ajudar aqui:
Grupo Sare: www.saredrogarias.com.br

Com os dois novos sites sobre vírus e fungos, mais precisamente sobre Candidiase, Herpes e Micose de Unhas, um em Espanhol: Candidiasis & Herpes & Hongos Uñas e outro em Francês: Candidose & Herpes & Micose Ongles ficou concluida a rede de sites em Medicina Natural. Pelo menos por agora.

Com estes dois sites ficou abrangido a maioria dos temas mais comuns que são procurados pelos nossos leitores. A criação futura de outros fica agora pendente do interesse demonstrado pelos mesmos em algum outro assunto relevante.

 

Para uma mulher uma infeção de candidiase é uma experiencia terrível!

Uma infeção de candidiase é o sinal de que alguma coisa não está bem no nosso organismo. O nosso corpo abriga milhares de organismos vivos que desempenham diferentes papeis no nosso organismo, uns benéficos e outros prejudiciais. Quando somos atacados pela candidiase quer dizer que o equilibro foi quebrado e que o fungo candida pode assim proliferar descontroladamente e afetar o organismo.

Podem ser muitos os fatores que levam a um ataque de candidiase, mas um dos mais comuns é a toma de antibióticos para o tratamento de qualquer infeção bacteriana, os antibióticos ao fazerem o seu trabalho e matarem as bactérias causadoras da doença também acabam por afetar e matar muitas bactérias benéficas que vivem no nosso corpo. Algumas dessas bactérias são responsáveis por controlarem alguns dos fungos presentes igualmente no nosso organismo, incluindo o fungo candida, o responsável pela candidiase.

O fungo candida é um fungo é um fungo muito vulgar na natureza e no nosso corpo, e na maioria das vezes é controlado e não apresenta sintomas de candidiase. Mas quando fica fora de controlo ele pode endoidecer uma pessoa com a forte comichão e ardor que causa, tornando-nos a vida miserável.

Felizmente o tratamento da candidiase é muito fácil de fazer com a ajuda de remédios naturais e mesmo de alguns remedidos caseiros. Você pode temporariamente eliminar o ardor e a comichão da candidiase lavando-se com uma mistura de vinagre de maça e agua. Após a lavagem utilize apenas roupa interior de algodão e leve, que permita a respiração do corpo.

Não deve igualmente usar roupas apertadas e sintéticas, pois como o fungo candida gosta de lugares quentes e húmidos ao usar roupa de algodão e que permita o corpo respirar facilmente está contribuir para a eliminação da candidiase naturalmente.

vaginite-sintomasUm dos tratamentos caseiros para a candidiase mais comuns e eficientes é o iogurte. Os iogurtes naturais contêm elevadas quantidades de bactérias benéficas que permitem repovoar o nosso organismo e assim controlar os sintomas da candidiase. Comer iogurte é assim essencial para o tratamento da candidiase, em todas as formas, e para as mulheres que sofrem com candidiase vaginal, também há quem coloque um tampon embebido em iogurte introduzido na vagina para assim controlar a candidiase mais rapidamente.

Existem muitos outros tratamentos caseiros para a candidiase recomendados, como o alho e o mel, mas dificilmente estes remédios caseiros conseguem eliminar o fungo do organismo, eles simplesmente limitam-se a atenuar os sintomas da candidiase.

O melhor método para eliminar a candidiase de vez é um bom remédio natural, já que os químicos usados para este efeito são muito venenosos e causam diversos efeitos secundários. Um dos melhores encontrados no mercado é o Yeastrol, que pode ser facilmente encomendado pela internet ao clicar no link anterior.

Eliminar a candidiase de vez do organismo pode ser demorado (dependendo do estado de cada pessoa, pode demorar dois a três meses) pelo que este remédio natural é a escolha certa, visto que pode ser usado por longos períodos de tempo sem qualquer efeito secundário, e é de muito mais fácil aplicação que os remédios caseiros contra a candidiase.

Mas, independentemente do tratamento para a candidiase que escolher, coma bastantes iogurtes naturais, pois vão permitir repor o equilíbrio da flora intestinal e ajudar qualquer tratamento a ser eficiente mais rapidamente.

A candidiase é uma infeção causada por um fungo chamado candida albicans e é muitas vezes referida como sapinhos devido à forma das suas borbulhas. Este fungo é muito comum e está presente em quase todo o lado, desde a pele às membranas, principalmente na boca e na vagina. A candidiase prolifera facilmente em qualquer zona húmida e quente pelo que aparece com frequência na boca, órgãos genitais, axilas, entre os dedos e qualquer sitio onde exista alguma humidade.

De acordo com muitos exames a maioria das mulheres tem vestígios do fungo candida na vagina, mas quando controlado ele não se consegue desenvolver para causar os sintomas de candidiase. Isto apenas ocorre quando há um desequilíbrio hormonal ou quando algo afeta as bactérias benignas no nosso organismo e permite assim ao fungo multiplicar-se sem restrições.

CandidiaseOralSempre que apareça uma oportunidade este fungo multiplica-se facilmente causando o que chamamos de sintomas da candidiase, sendo a mais comum a candidiase vaginal. Os sintomas da candidiase vaginal são bastante intensos, começando por uma comichão insuportável, o aparecimento de muitas borbulhas pequenas que se podem espalhar por uma área extensa e por um corrimento esbranquiçado e espesso que parece queijo derretido.

Outro sitio muito comum atacado pela candidiase é a boca. Aqui a candidiase aparece sob a forma de chagas de borbulhas brancas que podem atacar toda a boca mas são mais comuns nos cantos da boca e na língua. As chagas das borbulhas fora da boca são encarniçadas e muito dolorosas, causando grande dificuldade em comer.

A candidiase é muito comum em bebés, cujo sistema imunológico não tem qualquer defesas contra o fungo candida e que quando atacados na boca deixam de mamar e tornam-se muito irritados e chorosos. É também muito comum atacar os bebes nos genitais, causando grandes manchas de borbulhas vermelhas que podem atingir grandes áreas. Nos casos mais graves pode-se criar uma chaga que cubra toda a área dos genitais, virilhas e à volta do ânus.

Os homens também são atacados por candidiase, embora menos frequentemente e com menos severidade do que as mulheres, porque devido a uma menor humidade o fungo tem menos possibilidades de proliferar. A candidiase genital nos homens normalmente manifesta-se nas virilhas, no penis (junto à cabeça) e às vezes ao redor do ânus. Embora a severidade seja por norma menor que nas mulheres a candidiase genital nos homens pode igualmente ser bastante dolorosa e incomoda e, por norma é mais difícil de tratar pois é mais difícil aplicar remédios localmente.

Muitas outras zonas húmidas apresentam frequentemente sintomas de candidiase, como debaixo dos braços, na barriga e nas dobras de pele de pessoas muito gordas. Também aparece com frequência nos dedos e à volta das unhas, sendo muitas vezes confundida com a micose de unha, o que não representa grande problema porque os tratamentos da micose de unha também são eficientes no tratamento da candidiase.

A verdade é que os fungos da família da candida são muito frequentes no corpo humano e na natureza, pelo que a pergunta que muitas pessoas fazem é porque muitas das pessoas infetadas com candidiase não apresentam sintomas. Mas a verdade é que em pessoas saudáveis, com um sistema imunológico forte, este fungo pode viver pacificamente no organismo sem apresentar sintomas de candidiase. Os sintomas apenas se manifestam quando algo afeta a nossa flora natural e/ou o nosso sistema imunológico… assim sim, o fungo multiplica-se desordenadamente e os sintomas de candidiase podem aparecer bastante severos.

Alguns dos fatores que podem alterar o equilíbrio são a toma de esteroides ou de antibióticos para outras doenças, mudanças no equilíbrio hormonal (como as que ocorrem na gravidez, durante a menstruação ou na menopausa), mudanças de PH ou devido a outras doenças debilitantes, como a diabetes, o cancro ou a SIDA.

candidiase2O stress está também muitas vezes associado com a candidiase, assim como dietas rápidas que afetem o equilíbrio hormonal do organismo. As vezes cortes acidentais na pele ou nas unhas também possibilitam a entrada e proliferação do fungo nessa zona.

Roupas sintéticas e apertadas ao corpo podem também estar associadas ao aparecimento de sintomas de candidiase visto não permitirem a pele respirar e reterem o suor, pois o fungo precisa de zonas húmidas para sobreviver e reproduzir-se.

É importante conhecer o nosso corpo e quais são as causas que podem despoletar um ataque de candidiase, principalmente se você sofre frequentemente com esta doença. Assim é possível reduzir as probabilidades reduzindo os fatores que possam estar associados à candidiase.

 No entanto a melhor maneira de evitar ataques recorrentes de candidiase é utilizar um tratamento natural homeopático que possa fortalecer o sistema imunológico e que possa ser tomado durante o tempo suficiente para conseguir eliminar o fungo definitivamente do organismo sem causar os efeitos secundários negativos que alguns tratamentos químicos para a candidiase apresentam. Pessoalmente recomendo o remédio para candidiase Yeastrol, que pode encontrar aqui: http://medicinanatural-mn.com/4/Yeastrol.htm . Neste website encontra informações sobre este remédio e muitos conselhos que podem ser-lhe uteis.

Diversos estudos têm confirmado que o stress tem fortes efeitos negativos no nosso sistema imunológico. Diversos investigadores colaboram esta tese, que tem como base três ideias principais:

- O stress de curto prazo pode ser benéfico para a nossa saúde e segurança. Por stress de curto prazo podemos relacionar um ruido estranho ou o aparecimento de um objeto inesperado. Na realidade o stress pode salvar-nos a vida ao impulsionar o corpo quase imediatamente para uma estado de alerta maximo e ajudar-nos a tomar a melhor decisão: lutar ou fugir em qualquer situação de perigo iminente.

O stress de curto prazo relacionado com um problema que precisemos de solucionar, mesmo que não constitua perigo para a nossa saúde, como a solução para um problema no trabalho ou financeiro também pode ser útil na resolução do mesmo visto que fixa a mente no problema até ser encontrada uma solução adequada.

- O stress de longo prazo é muito prejudicial para a nossa saúde. O stress de longo prazo pode debilitar fortemente o nosso sistema imunológico, causar-nos graves problemas em dormir, de concentração e permitir que sejamos atacados por diversas outras doenças provocadas por vírus ou fungos, como é o caso da candidiase. Uma pessoa que esteja sob constante stress não consegue relaxar e descansar apropriadamente, é como se o corpo estivesse sob contante ameaça e preparado para lutar a qualquer momento, sempre!

stress-alivioNão é preciso pensar muito para ver os efeitos negativos que podem advir do fato de uma pessoa estar constantemente sob alerta e não proporcionar os ciclos de descanso necessários ao corpo para se restabelecer. O stress de longo prazo é, ao contrario ao stress de curto prazo muito prejudicial à saúde, mesmo que os sintomas venham de um problema real (o que na maior parte das vezes nem é o caso).

Pessoas doentes ou idosas ainda são mais afetadas pelo stress de longo termo. O organismo de uma pessoa sob stress não consegue lutar tão eficientemente contra qualquer doença, a verdade é que o organismo reage mais lentamente a qualquer infeção ou pode mesmo nem reagir e, quando reage, a resposta será muito menos efetiva.

Por isso deve ser procurado um tratamento para o stress sempre que a pessoa sentir que está a viver sempre sob essa pressão, para evitar que o sistema imunológico seja gravemente afetado e dê origem a outras doenças.

Os sintomas de candidiase ocorrem quando o fungo candida já presente no nosso organismo tem oportunidade de se multiplicar desordenadamente. Este fungo está normalmente presente em muitas pessoas saudáveis que não apresentam sintomas de candidiase porque o sistema imunológico inibe a multiplicação do fungo. Os sintomas surgem quando o equilíbrio entre o sistema imunológico e o fungo caiem para o lado do fungo, aparecendo então os sintomas de candidiase.

A candidiase é uma doença oportunista que se apresenta sempre que tem uma oportunidade de irromper e diversos estudos demonstram uma relação direta entre o stress e a candidiase, muitas pessoas afirmam que sofrem erupções de candidiase sempre que têm um ataque de stress e que dificilmente conseguem controlar esta doença enquanto não reduzem os níveis de stress.

A chave para o tratamento da candidiase é aprender sobre todas as causas que podem levar ao aparecimento de um ataque de candidiase, mesmo as menos obvias, como é o caso do stress. Por isso se você é propensa a ataques de candidiase ou anda normalmente stressada tomar um remédio natural contra o stress, como o Relora Max, pode ser essencial ao seu bem estar.

Veja mais sobre este remédio aqui: http://medicinanatural-mn.com/9/ReloraMaxRemedioStress.htm . Controlar o stress pode ser o primeiro passo para controlar a candidiase, entre muitas outras doenças e efeitos negativos que o stress tem na nossa vida.